Escolha uma Página

Aí vai uma informação pra quem não sabe: diferente do que muita gente pensa, trabalhar com design gráfico não é NADA fácil. Por quê? Bem, pra tentar responder essa pergunta separamos 5 situações e fatos da vida de um designer que só quem é da área entende.

Os momentos únicos (que acontecem com todo mundo)

  1. O quanto incomoda notar que algo está torto, especialmente se estiver só um pouquinho (porque claramente deveria estar reto). Vamos admitir que dói… dói muito… lá no fundo do peito.
  2. Aquele cliente que pede a identidade visual mais confusa do mundo e não aceita outra ideia de jeito nenhum. É o famoso “me faz um logo simplista, com um dragão dourado e um bulldog, mas tem que ficar elegante”. Dá pra entender? Quem nunca teve um cliente assim, prepare-se, na calada da noite, quando todos os jobs forem super legais, ele vai aparecer… oh, se vai.
  3. A busca interminável por aquela foto perfeita. Sabe quando vem aquele conceito perfeito na cabeça? Já tá tudo pronto, só falta aquela foto. Adivinha onde ela tá? Só no mundo utópico da nossa mente, porque nos trezentos bancos de imagem que existem no mundo ela com certeza não tá. Pode confiar, já olhamos todos.
  4. Mais um tipo de cliente: aquele que quer fazer mil coisas: uma identidade completa, posts de redes sociais, cartaz de divulgação, enfim. Até aí tudo ótimo, mas depois da entrega do orçamento ele toma chá de sumiço, e simplesmente desaparece do planeta. Quem nunca?
  5. O momento de inspiração na situação mais aleatória. Horas na frente do computador, dias fazendo sketches, e nada agrada, nada é bom o suficiente. Mas aí, um tempo depois, tomando um banho, comendo uma pizza com os amigos ou fazendo qualquer outra coisa que não seja pensar naquele trabalho, vem o estalo – a ideia perfeita. O pior é quando tem que esperar até chegar em casa ou no escritório pra testar na prática. Ninguém sabe porque isso acontece, mas todos nós já passamos por isso.

Calma, vamos pensar no lado positivo

O mundo do design gráfico é um grande desafio, e nós temos que solucioná-lo sempre da melhor forma possível. Sejamos sinceros: sem algumas dessas situações, pode ser até que achássemos nosso trabalho fácil demais. São fatos como esses que separam os melhores dos piores, então o jeito é enfrentá-los de peito aberto e fazer sempre um trabalho excelente.